23 outubro 2005

As elites no poder desprezam o povo

Excelente análise de Jorge Eurico sobre um dos homens que mais se tem destacado pelo silêncio neste período pré-eleitoral: Lopo do Nascimento.
O artigo, a ler, na íntegra, na Manchete do NL, teve por base uma análise de Lopo do Nascimento na revista “Política Internacional” onde, a dado passo, escreve “o principal mecanismo de afirmação desse grupo [novo-riquismo], que está a consolidar-se a um ritmo notável, é a utilização das suas posições-chaves no aparelho de Estado em benefício praticamente exclusivo dos seus interesses privados”.
A par de Justino Pinto de Andrade, Abel Chivukuvuko ou Jaka Jamba, Lopo do Nascimento será um dos possíveis presidenciáveis, caso Eduardo dos Santos decida – e se o fizer, bem – não se recandidatar à presidência do país.

1 comentário:

MN disse...

Caro Lobitino, tomei a liberdade de roubar as suas palavras, mencionado a origem, e postar um post com elas no meu Blog.

Nestes passeios Bloguistas visitei o Blog http://angolaxyami.blogspot.com e encontrei um comentário seu que, por vaidade, reclamo para mim poís fui o autor do texto. Foi então retirado do meu Blog e postado naquele mesmo Blog sem que sequer fosse mencionado a sua origem, facto que eu como Bloguer reprovo.
Melhores cumprimentos