01 novembro 2007

Obrigado, mas lixo dispensamos…

(imagem ofertada via e-mail especificamente para aqui)

"Há tempos a Câmara do Porto, ao abrigo da cooperação decidiu oferecer alguns espécimes à sua congénere moçambicana da Beira. Entre as ofertas, e como na altura foi referido no meu blogue “Pululu” e num artigo d’ O Observador, em 28 de Setembro passado, sob o título “Poluir por poluir, que se polua a casa do meu irmão...”, havia um camião de lixo, com mais de 25 anos, e que segundo rezavam as crónicas estaria mais para a sucata que para circular.
Pois e porque a cidade da Beira não tem características
de lixeira, o seu Conselho Municipal decidiu rejeitar esta oferta devido à antiguidade do objecto oferecido.
Uma atitude que se considera incorrecta depois do senhor Rui Rio ter achado, por bem, por certo, que os beirenses moçambicanos iriam agradecer o envio de uma relíquia que num futuro leilão da Sotherby’s iria, por certo, suprir as faltas de dinheiro com que se depara a principal cidade do Zambeze e do Centro-Norte; é que o poder Central, dominado pela Frelimo, não manda para lá nada porque na cidade da Beira quem governa é a Renamo e a região é, na sua maioria, pró-perdiz.
Mas como a população e a cidade vive do momento, e porque a Beira não é, nem quer ser, uma das múltiplas lixeiras como que o Ocidente vê África, o seu líder, David simango, decidiu, e muito bem, que ali lixo, não!
Que o amigo e fraterno cooperante Rui Rio fique com o seu lixo e o recicle!
Mas, por outro lado, concordo com a
sugestão de Orlando Castro. Ou seja, que a Beira receba o dito camião e o "coloquem […] numa praça central da cidade da Beira com um cartaz a dizer: Homenagem à cooperação com a Câmara do Porto".
Com amigos destes que e como também já tinha escrito, África deve preferir estar sozinha!
"
Publicado no /"Colunistas" com o título acima; igualmente publicado n'

5 comentários:

altohama disse...

... É claro que seria (digo eu) aconselhável convidar o presidente da Câmara do Porto para a inauguração.

Kdd.

Orlando Castro

ELCAlmeida disse...

Meu caro Orlando e se ele fica tentado em levar mais lixo, nomeadamente algum que polula por aí e por Lisboa - o que parece não faltar... - e pelo Palácio das Necessidades?
Não quero mal, pelo contrário, às perdizes moçambicanas nem a outros moçambicanos. Coitados! Tem dó!
Kandandu
EA

João Craveirinha disse...

M'bamba Lobitino, muXicani uaMi,

O nome correcto eh Daviz Simango como o aludido assina (ou Deviz).

Ndandu.

Xal'é !

João Craveirinha disse...

By the way,
como se coloca imagem no teu blog ao lado da mensagem? Tinha a imagem de um calhambeque a propósito do tema do lixo ...ahahahah

João Craveirinha disse...

Meu caro andas tão distraído que nem reparaste que escrevi em kiMbundo ...eheheheh

ora vê:
M'bamba (Mestre) Lobitino, muXicani (irmão) uaMi(meu).... para dizer meu irmão...

O nome correcto eh Daviz Simango como o aludido assina (ou Deviz).

Ndandu.(abraço)

Xal'é !(Chao ou Adeus)
é mesmo chao à portuguesa como deixaram os romanos eheheheh