09 outubro 2005

Meu caro Jorge Perestrelo - Estamos lá!


Este título não é meu.
Roubei-o a uma pessoa que me merece toda a consideração e respeito mas que, a quem desta vez e espero que ele me perdoe, tomei a liberdade em ser ladrão.
Pois Orlando Castro, na sua rubrica Alto Hama (Notícias Lusófonas) presta uma sentida e oportuna Homenagem a um grande HOMEM da Rádio, de Angola e do Lobito: JORGE PERESTRELO.
Deixo aqui um cheirinho:
Escrevo-te para te dizer que a nossa selecção foi apurada para o Mundial 2006.
E não só:
Que belo é amar quando se ama a dois, triste é acabar
e sofrer o depois.
Mesmo sem alarde
ele toca toda a gente,
é esse fogo que arde
é dor que se sente.
O resto devem ler aqui. Orlando Castro e Jorge Perestrelo merecem-no.
E como terá sido inesquecível o teu relato aí em Cima, Jorge. Nem consigo imaginar como dançaste e cantaste o Golo é Golo é Golo é Goooooolo; o nosso Golo.

3 comentários:

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Leonel Vicente disse...

Parabéns pelo apuramento e pela homenagem ao Jorge Perestrelo.