29 maio 2006

Mais um imposto para o SMS e e-mail da esquina

(imagem surripiada a’O Jumento)

Já tinha lido esta, salvo erro ontem n' O Jumento, mas pensei que fosse uma piada deste irreverente e sempre certeiro blogue, embora não deixando de citar a “Reuters”.
Mas, pelos vistos e a fazer fé no Diário Digital, parece que não.
Segundo este órgão – que espero não seja uma cópia não citada do de cima – o Parlamento Europeu, através de um euro-deputado do grupo popular europeu e do francês UMP, Alain Lamassoure, “está a equacionar cobrar um imposto pelo envio de e-mails e mensagens de texto (SMS) como um modo de financiamento no futuro”.
O imposto será de 1,5 cêntimos para os SMS e de 0,00001 cêntimos por cada e-mail enviado.
E, o mais engrassqado e interessante é que a maioria dos governos, euro-deputados e a Comissão Europeia apoiam a criação destes novos impostos.
E se isto pega e não só para Europa mas também para o resto da “www”?
Vão mas é roubar para a estrada…

1 comentário:

IO disse...

Eles são a própria estrada, para o covil dos deskarados. Abraço, roubei a tartaruga da península, quanto cobras? lol...